quarta-feira, 26 de outubro de 2011

Grande final do Campeonato Paulista


Hoje, quarta feira 26, o primeiro do jogo da grande final do campeonato Paulista.
Em quadra Santos x Orlândia, às 19:55 hr com transmissão da ESPN BRASIL.

segunda-feira, 24 de outubro de 2011

Brasil vence na prorrogação e reconquista Grand Prix


Manaus (AM) - A Seleção Brasileira é campeã do 7º Grand Prix de Futsal. Neste domingo (23/10), na Arena Amadeu Teixeira, em Manaus (AM), o time verde e amarelo fez uma final difícil contra a Rússia e, depois de um empate por 1 a 1 no tempo normal, venceu a prorrogação por 1 a 0 e comemorou a reconquista da competição. Cinco vezes campeã, a Seleção Brasileira havia perdido a hegemonia em 2010, quando foi derrotada pela Espanha por 2 a 1. Com a vitória neste domingo, os brasileiros conquistam o sexto troféu do Grand Prix, que se fortalece a cada ano com uma das principais competições do salonismo mundial. Os russos, que participaram pela segunda vez da competição, melhoraram em relação a 2010, quando foram eliminados na semifinal. A Argentina, que foi eliminada pela Rússia na semifinal, ficou em terceiro, e o Irã, que foi tirado pelo Brasil, foi o quarto. O jogo A Seleção Brasileira começou melhor. Com mais posse de bola, o time encurralou a Rússia, que só se defendia. As primeiras chances foram criadas por Simi, que quase marcou de calcanhar, e em chutes de longa distância, principalmente com Neto e Jackson. O gol só não saiu por causa do goleiro Gustavo, que é brasileiro naturalizado russo e segurou o empate. Depois da metade do período, os russos conseguiram atacar mais. E, eficientes, conseguiram abrir o placar aos 11min31, quando Sergeev chutou de longe e Abramov desviou. No primeiro lance, Tiago fez boa defesa, mas a bola ficou com o russo, que tocou para as redes e pôs o time vermelho em vantagem. O gol não abateu a Seleção, que continuou melhor e criando chances. O problema é que os brasileiros esbarravam nos erros de finalização, no goleiro Gustavo e até na trave, que foi acertada em chute de Valdin. Depois, a trave passou de vilã a salvadora quando o Pula tocou e a bola bateu no poste antes de ser afastada pela defesa. No segundo tempo, a Seleção não mudou o estilo de jogar e continuou pressionando muito. Neto e Valdin eram os principais articuladores das jogadas e, em cobrança de escanteio, o fixo cobrou por cima, o goleiro Gustavo saiu errado e o ala tocou de cabeça, mas para fora. Aos 24min11, a dupla voltou a aparecer e, desta vez, com sucesso. Neto tocou rasteiro e Valdin desviou para empatar. Mais de dez mil pessoas lotaram a Arena Amadeu Teixeira e comemoraram muito o gol brasileiro. E foi com essa atmosfera que a Seleção buscou o empate, mas um jogador da Rússia continuou a impedir nova comemoração. Gustavo, com grandes defesas, segurou o poder ofensivo brasileiro e manteve o 1 a 1 no placar, levando o jogo para a prorrogação. Em um filme mais que repetido, Gustavo continuou a segurar o ataque brasileiro na prorrogação. Mas, aos 45min54, Falcão, que não marcava há três jogos, recebeu lançamento de Neto pelo alto e desviou de peito, virando o jogo e explodindo a Arena Amadeu Teixeira. Imediatamente, a Rússia lançou Sergeev como goleiro-linha. Apesar da pressão, os russos não furaram a defesa brasileira, e o time canarinho conseguiu reconquistar o troféu.
Confiram os gols da final no vídeo ao lado. video

terça-feira, 27 de setembro de 2011

NETO é convocado para o Grand Prix

A Seleção Brasileira de Futsal foi convocada para o 7º Grand Prix de Futsal, que será realizado de 16 a 23 de outubro, em Manaus (AM). Nesta terça-feira (27/9), o técnico Marcos Sorato divulgou a lista com 14 nomes, que lutarão para recuperar a hegemonia da competição. No ano passado, o Brasil, que tinha vencido as cinco edições anteriores, foi derrotado por 2 a 1 para a Espanha, em Anápolis (GO).

A apresentação dos jogadores está marcada para o dia 11 de outubro, em Manaus. Segundo o técnico brasileiro, a data foi escolhida para que os atletas possam disputar as partidas pelos respectivos clubes. “As equipes têm compromissos pelos Estaduais e pela Liga e respeitamos isso. Eles jogam e tem tempo de descansar antes de se apresentar à Seleção”, disse ele.

Segundo Sorato, a convocação para o Grand Prix é a base da equipe que conquistou a Copa América de Futsal, disputada na Argentina há uma semana. “É a base do time que jogou a Copa América, que se portou muito bem diante dos adversários sem muito tempo para treinar. Além disso, estamos muito próximos da Copa do Mundo, e é uma boa oportunidade para observar os jogadores que se destacam por aqui”, analisou.

Dos 14 convocados, 10 estiveram na Copa América. As quatro novidades em relação à lista do torneio sul-americano são o goleiro Franklin, o fixo Ciço, o ala Vinícius e o pivô Fernandinho. O arqueiro, que defende a Krona/Joinville/DalPonte não atua com a camisa verde e amarela há quase um ano.

A última vez que defendeu a Seleção foi em novembro de 2010, quando atuou nos amistosos diante da Hungria, realizados em Cuiabá (MT) e Joinville (SC). Depois disso, ele chegou a ser convocado para os jogos contra Uruguai e Portugal, em abril deste ano, mas sofreu uma lesão no ombro que o tirou das quadras até o início deste mês.

Os outros três jogadores atuam no exterior e são convocados com freqüência para a Seleção. O fixo Ciço, que atua no Foolad Mahan, do Irã, esteve nos amistosos contra o Paraguai, realizados em julho deste ano. Vinícius e Fernandinho defendem o MFK Dínamo Moscou, da Rússia, e foram convocados para enfrentar o Kuwait, no início do mês. O ala, por causa de uma lesão, não pode jogar, mas o pivô participou dos jogos e teve bom rendimento.

Confira a lista de convocadas para o 7º Grand Prix de Futsal

Goleiros
Djony – Santos
Tiago – São José/ValeSul Shopping
Franklin – Krona/Joinville/DalPonte

Fixos
Ciço – Foolad Mahan (Irã)
Neto – Santos
Rodrigo – Carlos Barbosa

Alas
Vinícius – MFK Dinamo Moscou (Rússia)
Jackson – Santos
Gadeia – Copagril/Faville/DalPonte
Falcão – Santos
Valdin – Santos

Pivôs
Fernandinho – MFK Dinamo Moscou (Rússia)
Simi – São Caetano/Corinthians/Unip
Jé – Santos

terça-feira, 20 de setembro de 2011

Completando o fim de semana de alegrias, NETO foi eleito o "ESPORTISTA DO FIM DE SEMANA" pela SPORTV


Pessoal! Estamos estreando hoje o quadro "Personagem do Final de Semana", no qual vamos eleger todas as segundas feiras, o maior destaque esportivo do final de semana.

Nesta estreia, elegemos o ala NETO, da Seleção Brasileira de Futsal, que além de ter sido eleito o craque da Copa América, deixou a sua marca na decisão no último sábado diante da Argentina. O seu gol acabou se tornado crucial, já que os argentinos haviam acabado de empatar a partida. Depois disso, o Brasil ampliou a vantagem para 5 a 1 e se sagrou campeão pela 19ª vez, mantendo a sua hegemonia na competição.

Por isso, NETO, ala da Seleção Brasileira e do Santos, é o primeiro PERSONAGEM DO FINAL DE SEMANA.

Neto termina como destaque e melhor jogador da Copa América


Neto foi o destaque brasileiro na decisão da Copa América de Futsal 2011. O fixo brasileiro teve uma atuação destacada, sendo um ponto determinante da vitória brasileira diante dos argentinos pelo placar de 5 a 1, que deu o título aos brasileiros. O atleta brasileiro esteve muito bem. Anulou Borruto, melhor jogador argentino e ainda foi ao ataque para deixar sua marca em um momento crucial da partida, quando os argentinos haviam conseguido o empate, em uma bela cobrança de falta que surpreendeu Elias. Com essa atuação, somada às outras, ele foi eleito o melhor jogador da competição. Neto, porém, recebe a premiação como novidade. “Não me lembro de ter conseguido algum prêmio de melhor jogador de um torneio com a seleção, ainda mais por conta da minha posição, que quase sempre é lembrada mais na defesa do que no ataque. É motivo de muito orgulho para mim e para a equipe brasileira.” O fixo complementa lembrando que a postura do time foi essencial para a conquista. “O jogo foi difícil, como se era esperado, mas o que fez com que a partida ficasse, aos poucos, fácil para nós, foi a aplicação de todos em quadra. A nossa seleção praticamente não cometeu erros e não permitiu que a Argentina tivesse a liberdade que havia tido no primeiro confronto. Isso foi fundamental para a vitória”, finalizou.

Fagner Pinho

Assessoria de Imprensa da CBFS

imprensa@cbfs.com.br

Brasil é campeão da Copa América 2011


Buenos Aires (ARG) - O Brasil é o campeão da Copa América de Futsal 2011. O selecionado brasileiro chegou ao título ao bater a Argentina na decisão do torneio que ocorreu na tarde deste sábado (17/9), pelo placar de 5 a 1, em partida disputada no Complexo Poliesportivo de Almirante Brown, na província de Buenos Aires (ARG). Na terceira colocação ficou o Paraguai, que venceu a Colômbia por 3 a 1. No primeiro tempo a partida se manteve equilibrada nos lances iniciais. O Brasil, como já era de se esperar, buscou mais o ataque, mas não encontrou facilidade para penetrar no sistema defensivo argentino, que estava bem postado. O jogo sem gols se manteve até que o Brasil conseguiu marcar seu gol. Em bola jogada individual pela esquerda de ataque, Gadeia recebeu bom passe e passou por um defensor, levantou a cabeça e cruzou nos pés de Jé, que bateu firme para marcar. Pouco depois, porém, os argentinos chegaram ao empate em uma falha da defesa brasileira. Falcão errou passe na defesa e Borruto chegou livre batendo para o gol. A bola acertou a trave e voltou nos pés de Cuzzolino, que bateu no ângulo para igualar a contagem. Não demorou e o Brasil voltou a ficar em vantagem no placar. Em cobrança de falta frontal, Neto observou a barreira mal formada pelo goleiro Elias e bateu colocado, surpreendendo a defesa adversária, que esperava jogada ensaiada dos brasileiros. No final do primeiro tempo o ala Falcão se redimiu do gol sofrido. Rodrigo, da quadra de defesa, deu passe em profundidade de forma milimétrica para Falcão, que dominou tirando da marcação e bateu na saída de Elias, marcando o terceiro tento brasileiro. Na segunda etapa a Argentina voltou mais ofensiva, mas a defesa brasileira se portava bem e não permitia avanços ou chegadas mais perigosas por parte do time da casa. O Brasil, aos poucos, reequilibrou as ações e chegou ao quarto gol. Gadeia recebeu passe pela direita de ataque e serviu Rodrigo que, da intermediária, mandou uma bomba no canto direito baixo de Elias, que não conseguiu a defesa. No final, Valdin tabelou com Jé e marcou o seu nono gol na competição e quinto do Brasil no jogo, encerrando a contagem.

Fagner Pinho

Assessoria de Imprensa da CBFS

imprensa@cbfs.com.br

Vídeos dos gols - Copa América de Futsal 2011 (Buenos Aires)

video
Brasil x Argentina (Final)

video
Brasil x Paraguai (Semi-final)

video
BRASIL X ARGENTINA (1a FASE)

video
BRASIL X CHILE (1a FASE)

PS: Faltou os gols do jogo contra o Peru,pois teve problemas no sinal e por isso não foi televisado. Peço desculpas,mas informo que o placar , ficou 8x1.

quinta-feira, 15 de setembro de 2011

Brasil empata com Argentina e garante 1ª colocação

Buenos Aires (ARG) - A Seleção Brasileira de Futsal empatou com a Argentina em 2 a 2 na terceira rodada da chave A, na disputa da Copa América 2011. O Brasil criou várias oportunidades para marcar e parou nas defesas de Elias, enquanto os argentinos jogaram no contra ataque.

Com o empate o Brasil se manteve na liderança d chave A da competição com sete pontos conquistados, ao lado da Argentina, mas ficando com a liderança por conta dos critérios de desempate. Chile e Peru estão eliminados. Os adversários das semifinais serão conhecidos apenas amanhã.

Na primeira etapa os dois times encontraram muita dificuldade para adentrar no sistema defensivo adversário. Tanto Brasil quando Argentina estiveram muito fechados em sua defesa e não conseguiram criar possibilidades para a abertura do placar.

Com isso os gols acabaram saindo apenas no final da primeira etapa. E os dois foram aos dezesseis minutos de partida. O primeiro acabou sendo da Argentina. Elias lançou da quadra de defesa e Basile dividiu com o goleiro Djony. A bola acabou espirrada e entrou no gol brasileiro.

Poucos segundos depois os brasileiros conseguiram o empate. O selecionado do Brasil teve falta a seu favor pela esquerda de ataque. Em jogada ensaiada, Falcão rolou para Rodrigo que, com muita inteligência, encontrou Jé livre na área. O pivô teve apenas o trabalho de escorar para o fundo das redes.

No segundo tempo o Brasil voltou muito ofensivo, enquanto a Argentina se defendeu sem parar. Com isso, a partida seguiu no ataque contra defesa até os minutos finais, porém, sem gols, já que os argentinos estavam se defendendo bem.

Isso se manteve até o Brasil conseguir o gol da virada. Em falta da intermediária, Rodrigo foi para a cobrança e mandou uma bomba rasteira, sem chances de defesa para Santiago Elias. Era o segundo gol da seleção brasileira.

Mas pouco depois os argentinos empataram mais uma vez. Em cobrança de falta ensaiada, Amas rolou para Basile que, completamente livre de marcação, escorou para o fundo das redes, igualando mais uma vez o placar e encerrando a contagem.

Fagner Pinho

Assessoria de Imprensa da CBFS

imprensa@cbfs.com.br

terça-feira, 13 de setembro de 2011

Brasil vence o Peru no segundo confronto

Buenos Aires (ARG) - A Seleção Brasileira de Futsal conquistou sua segunda vitória na disputa da Copa América 2011. Encontrando maiores dificuldades em comparação com a estreia, diante do Chile, os brasileiros venceram o Peru por 8 a 1.

Com a vitória o Brasil se manteve na liderança d chave A da competição com seis pontos conquistados, enquanto o Peru permaneceu sem pontos, ao lado do Chile. Pelo grupo ainda há mais um jogo a ser disputado nesta terça-feira (13/9), entre Argentina, que é segunda no grupo, e Chile.

Na primeira etapa o Brasil criou inúmeras chances para abrir o placar, fazendo com que o goleiro peruano Cáceres se tornasse o principal nome do jogo. Com defesas espetaculares, o arqueiro peruano segurou o time brasileiro praticamente em toda a primeira etapa.

Para piorar a situação brasileira, em uma jogada de contra ataque, a seleção do Peru desceu em velocidade e, depois de uma bem realizada triangulação, Espinoza apareceu livre de marcação diante de Djony e bateu forte, para abrir o placar para o Peru.

Sem se abalar, mas demonstrando um pouco de ansiedade por não haver marcado ainda, o Brasil seguiu atacando e lutando para vencer a retranca peruana. Isso ocorreu somente no final do primeiro tempo quando os brasileiros conseguiram a virada.

No primeiro gol, Falcão fez belo lançamento alcançando Gadeia que estava livre pela direita de ataque. Com um toque de primeira, ele achou Jé livre na área. O pivô escorou para o gol e empatou a partida. Segundos depois Falcão chamou Anaya para dançar e bateu forte no canto, colocando o Brasil em vantagem.

No segundo tempo o time brasileiro se soltou mais e logo chegou ao resultado de vitória com gols de Murilo, em jogada de falta ensaiada, Jackson, depois de jogada ensaiada de escanteio, cobrado por Valdin e passado por Neto e de Valdin, depois de cruzamento de Jackson.

No final Murilo, em boa jogada pelo meio, e Rodrigo, depois de cobrança de escanteio, em uma boa cabeçada, e Jé, em bom chute pela esquerda, finalizaram o placar a favor da equipe brasileira.

Fagner Pinho

Assessoria de Imprensa da CBFS

imprensa@cbfs.com.br